Leão de Nova Iguaçu na Série C

NOVA IGUAÇU -  Com o enredo sobre o terreiro Ilê Axé Opô Afonjá, o primeiro da nação Ketu no estado e tombado pelo Inepac, a Escola de ...


NOVA IGUAÇU - Com o enredo sobre o terreiro Ilê Axé Opô Afonjá, o primeiro da nação Ketu no estado e tombado pelo Inepac, a Escola de Samba Leão de Nova Iguaçu foi rebaixada para a Série C, após chegar na décima posição. Cid Carvalho, carnavalesco que desenvolveu o enredo “Ilê Axé Opô Afonjá — O rei está na terra’’, disse que, apesar da tristeza, sabe que a escola tem que avaliar onde errou:

— A escola cometeu suas falhas. Tem que fazer sua análise e buscar soluções. Acho que foi injusto, há escolas que cometeram mais erros e não foram penalizadas. Mas vamos nos sentar, ver se conseguimos encontrar juntos um bom caminho para reestruturar a escola, corrigir falhas e apresentar um carnaval cada vez mais forte.

Apesar da falta de verba, o carnaval de rua da região foi animado. Em Caxias, os festejos foram promovidos pela escola de samba Acadêmicos do Grande Rio e a agência F3X, que conseguiram apoio da iniciativa privada.

O carnaval caxiense foi aberto oficialmente na noite de sexta-feira pelo Rei Momo André Drumond e sua corte.

Na passarela da Avenida Governador Leonel Brizola, em frente à Praça do Pacificador, foram montadas arquibancadas para o público. Foi aí que a escola de samba Grande Rio fechou as comemorações do carnaval caxiense, desfilando com algumas alas.

Em Japeri, milhares de foliões brincaram ao som das bandas Vestígio Humano e Tropical Rio, nos dois palcos armados nas Praças Leni Ferreira, em Japeri; e Olavo Bilac, em Engenheiro Pedreira.

Via Jornal Extra

Reações: 

Poderá gostar também de

Nova Iguaçu 2372933626729120681

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Rede Social

.

.

Popular

Recente

Comentários

Facebook

Google+

Receba matérias no seu e-mail

Arquivo do site

item