Casa de festas declara falência e desespera clientes

BAIXADA FLUMINENSE -  O pedido de falência de uma tradicional casa de festas surpreendeu, literalmente, centenas de pessoas nesta terça...


BAIXADA FLUMINENSE - O pedido de falência de uma tradicional casa de festas surpreendeu, literalmente, centenas de pessoas nesta terça-feira. As empresas Enlace e Enlace Kids são especializadas em eventos infantis, de debutantes e casamentos, além de possuir outras casas em bairros da Zona Norte e na Baixada Fluminense. Segundo os clientes, o grande diferencial da rede era o preço baixo e as condições de pagamento.

De acordo com a Polícia Civil, cerca de 180 pessoas estiveram na 40ª DP (Honório Gurgel) para fazer boletim de ocorrência contra a empresa. Já na 27ª DP (Vicente de Carvalho), os agentes estimam que outras 30 pessoas passaram por lá. 

Camille Oliveira que havia contratado o serviço da empresa para a festa de um aninho da filha no dia 7 de maio, ficou sabendo da notícia através das redes sociais. "Eu estava na rua comprando a roupa que a Daniela usaria no dia do aniversário. Fiquei desnorteada e não sabia o que fazer. Na verdade, ainda não sei como vai o ser aniversário dela", conta a jovem que contratou a Enlace Kids em agosto do ano passado e pagou R$ 1 mil pelo serviço.

"Como eu tinha feito o meu casamento com eles em 2014 e foi excelente, não imaginava que isso pudesse acontecer", relatou. Ainda de acordo com Camille, ela não foi atendida pelos responsáveis em nenhum dos contatos da empresa.

"O dinheiro que eu tinha, investi em outras coisas, porque o aniversário estava certo". Ela disse que vai procurar seus direitos e entrar com uma ação na Justiça contra a prestadora de serviços.

Já a professora Mariana Lopes Rangel que realizaria a festa de aniversário de 4 e 3 anos dos filhos em outubro, criou a página "Lesados pelo Enlace e Enlace Kids Festas no Facebook", com objetivo de mobilizar as pessoas que sofreram com o pedido de falência.

"Eles precisam ser punidos e responsabilizados por isso. Eles trabalham com sonhos", conta. Segundo a professora da rede estadual, a empresa oferecia promoções abaixo do mercado para quem pagasse em dinheiro. Ela gastou R$ 1.400 pela festa dos dois filhos.

"O dono agiu de má fé. Há cinco dias ele estava postando promoções. Ele estava planejando por isso", afirma.

Uma foto e um depoimento do suposto dono da Enlace e Enlace Kids circulou pelas redes sociais. No entanto, a Polícia Civil não identificou a identidade do empresário e também não confirmou a veracidade das informações. A ocorrência está em andamento.

Via O Dia
Reações: 

Poderá gostar também de

Polícia 4265287127866648413

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Rede Social

.

.

Popular

Recente

Comentários

Facebook

Google+

Receba matérias no seu e-mail

Arquivo do site

item