Ataque a moradores de rua em Nova Iguaçu pode ter sido motivado por 'pequenos delitos'

NOVA IGUAÇU -  A Polícia investiga o ataque a um grupo de moradores de rua no centro de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na madrug...


NOVA IGUAÇU - A Polícia investiga o ataque a um grupo de moradores de rua no centro de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na madrugada de quinta-feira (2). Dois moradores de rua morreram e outros dois ficaram feridos.

Testemunhas disseram que criminosos pararam um carro preto na Avenida Amaral Peixoto e desceram só para atirar nos moradores de rua. O local fica próximo ao viaduto da rodoviária, ao lado da delegacia do centro da cidade.

Nenhuma das vítimas estava com documento na hora do crime e os parentes ainda não foram encontrados. Eles também não tinham passagem pela polícia, mas moradores da região disseram aos investigadores que eles já cometeram alguns furtos em Nova Iguaçu.

“O que nós temos é que a informação de que eles seriam usuários de drogas, usavam maconha, usavam crack ali, e até praticavam alguns pequenos furtos. Isso são informações de populares. Provavelmente, essa é uma das linhas de investigação que nós temos, é que seja de um grupo de pessoas. Não vou nem qualificar aqui ainda como um grupo de extermínio, porque está muito prematuro pra gente afirmar isso, mas são pessoas que se intitulam como fazem aquele vulgo jargão de limpeza social, estaria matando ali essas pessoas por serem praticantes de pequenos delitos na área”, disse o delegado.

Entre as vítimas estava um camelô, identificado apenas como Leandro, e o aprendiz de barbeiro Diego Cardoso, que morreram na hora. Alexsandro Fonseca, de 39 anos, e uma adolescente, de 15, foram socorridos e levados para o Hospital da Posse, onde permanecem internados.

Via G1
Reações: 

Poderá gostar também de

Polícia 4745177213703248945

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Rede Social

.

.

Popular

Recente

Comentários

Facebook

Google+

Receba matérias no seu e-mail

Arquivo do site

item